quinta-feira, Novembro 09, 2006

Enf. Rodolfo Moura é quem manda no departamento médico do Benfica!!




Interessantíssima a forma como "especialistas em medicina desportiva" analizam o Enfermeiro Rodolfo Moura. Todos são unânimes em reconhecer a sua competência, mas... o velho sentimento de suposta superioridade vem ao de cima. É a velha história dos médicos quererem mandar nos Enfermeiros, mas o tiro saiu-lhes pela culatra...
Logicamente custa-lhes a admitir que na prática seja um Enfermeiro quem dirige o departamento médico de um dos maiores clubes do mundo... e tentam contra-argumentar, seja de que forma for. Que o Enf. Rodolfo Moura é um grande profissional, é. Eis uma notícia interessantíssima retirada do jornal "Correio da Manhã":


"O departamento de Rodolfo

Especialistas em medicina desportiva ouvidos pelo Correio Sport criticam a forma como funciona o corpo médico do Benfica, que dizem ser, na prática, liderado por Rodolfo Moura, por vontade expressa de José Veiga. Reconhecem-lhe competência enquanto recuperador de lesões mas apontam-lhe a falta de formação médica como lacuna de peso.



O departamento médico do Benfica volta a estar no centro das atenções por causa do ‘caso Rui Costa’, que viu uma lesão agravar-se devido a um erro de diagnóstico. Este foi o último de uma longa lista de casos que têm envolvido o corpo clínico da Luz. O Correio Sport foi tentar perceber como funciona o departamento e cruzou depoimentos de diversas fontes ligadas à medicina desportiva e outras do clube. Todos solicitaram o anonimato e todos apontaram para a mesma conclusão: quem manda no departamento médico é Rodolfo Moura.

O enfermeiro e cinesioterapeuta, que já passou por FC Porto e Sporting, foi uma escolha pessoal do director geral José Veiga, que deposita total confiança na experiência de Moura. A sua competência na recuperação de lesões é sobejamente conhecida e não é colocada em causa por nenhuma das nossas fontes. O problema, segundo diversos especialistas contactados pelo Correio Sport, reside no facto de Moura estar a desempenhar funções que ultrapassam as suas competências. “Rodolfo Moura é, na prática, o chefe do departamento médico. José Veiga escolheu-o com esse objectivo. Só que, apesar de toda a sua experiência, tem as limitações de quem não possui formação médica”, afirma um especialista em medicina desportiva, conhecedor da realidade do Benfica.

Esta época já houve onze lesões musculares no plantel. E a época passada houve seis casos de jogadores que se lesionaram e regressaram à competição antes do tempo, agravando as lesões: Quim, Nélson, Simão, Karagounis, Miccoli e Manuel Fernandes. “Querem-se fazer brilharetes nas recuperações e quando as coisas correm mal são os médicos que ficam com a criança nos braços”, afirma a mesma fonte.

Um outro especialista da área da medicina desportiva recorda a saída do departamento do ortopedista Pedro Magro em 2004: “Ele percebeu como é que as coisas iriam passar a funcionar e saiu quando lhe impuseram Rodolfo Moura”. Qual é então o papel de João Paulo Almeida, reponsável pelo departamento médico? “É um papel secundário, que ele aceita desempenhar não se percebe bem porquê. No ‘caso Rui Costa’ foi chamado para apagar o fogo”. Por outro lado, o facto de João Paulo Almeida ter de lidar também com o futebol de formação e com as modalidades faz com que esteja muitas vezes longe da equipa profissional. Mais presente está o médico de clínica geral António Barata, que acompanha todos os treinos mas, segundo as nossas fontes, ocupa posição subalterna em relação a Moura.

Rodolfo Moura é, contudo, muito bem visto pelos jogadores, sendo vários os casos de atletas que o elogiaram publicamente ou correram a abraçá-lo quando festejavam golos após períodos de recuperação. Jardel, Beto, Niculae, Quim ou Mantorras são só alguns exemplos. E quando na sua primeira época na Luz (2004/05), o Benfica foi campeão, muitos atribuíram a Moura quota considerável de mérito. “Ele consegue criar grande cumplicidade com os jogadores, está sempre disponível para os ajudar. Só que depois tem limitações a outros níveis”, refere um conceituado médico. Certo é que Luís Filipe Vieira ficou muito irritado com o ‘caso Rui Costa’ e não está colocada de parte uma remodelação do departamento. Contactado pelo Correio Sport, João Paulo Almeida escusou-se a prestar declarações. Já Rodolfo Moura e José Veiga estiveram incontactáveis.
"


Fonte: www.correiodamanha.pt

Comments:
Percebe-se por que é que os enfermeiros não podem estar a desempenhar funções que nao lhes competem... querem substituir os médicos e cometem erros grosseiros de diagnóstico; querem substituir os fisioterapeutas e agravam lesões por indicações erradas e precoces. Claro está que os responsáveis desportistas, ignorantes como são, nem se dão conta da gravidade das situações e do prejuízo que estão a causar aos seus jogadores por não terem técnicos qualificados e acreditarem que a experiencia de um enfermeiro sem formação específica, chega para alguma coisa!!
 
por isso..é k se fala em descriminaçao!!!so por ser enfermeiro deixa de ser menos competente que um medico?????
parece k sim, nao???tudo bem k nao tem a formação, nem todos os medicos sao bons...se o rodolfo moura chegou onde chegou é pk tem valor
enfermagem tem k mostrar k tem valor e k sao tao competentes como os medicos
 
Caros colegas,

sou Técnico Auxiliar Fisioterapia, e tive o prazer de conhecer pessoalmente o DT. Rodolfo Moura numas jornadas, e posso garantir que é uma excelente pessoa, um excelente profissional, tambem concordo que cada macaco no seu galho mas o Dt. Rodolfo Moura atingiu um patamar que poucos conseguem e isso deve-se ao seu trabalho e sabedoria, é licenciado em enfermagem, ok, mas tem outras aptidoes.
José Mourinho? nunca foi doutor, e agora é devido ao bom trabalho que fez.
Voces escrevem para ai coisas sem jeito nenhum, porque para além de licenciado que é em enfermagem tambem tem outras formaçoes.
Dor de cotovelo é o que mais anda por ai.
 
Enviar um comentário



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Brother Toner Deal
Visitas ao blog Doutor Enfermeiro


tracker visitantes online


.
Mais informações, aqui (programa, poster e ficha de inscrição). 

.
Ler aqui.