terça-feira, setembro 18, 2007

Foto-reportagem do INEM




"A morte ronda. Médicos e enfermeiros do INEM lutam contra a ceifeira."
*****
"Médicos e Enfermeiro do Instituto Nacional de Emergência Médica têm uma vida tão stressante como os soldados de guerra."
*****
"De dia e de noite, de norte a sul de Portugal, os médicos e os enfermeiros do INEM acorrem a qualquer emergência. Retrato duro e comovente de uma instituição que completa 25 anos."
Estes são excertos de texto de uma foto-reportagem da Noticias Sábado. Ver aqui.

P.S. - Em meados de Outubro, o INEM publica um livro comemorativo (reportagem fotográfica e escrita) denominado "25 anos".

Comments:
O povo já esta farto de reportagens mentirosas desse instituto, somente interessa o protagonismo, não mostra a realidade no terreno.

Somente faltava os comparar ao Rambo, já estou a ver, calças rotas, tronco nu, fita na cabeça e cara com riscas azul.
 
Anónimo das 7:12,

que tem o instituto a ver com os profissionais que andam na rua e fazem o melhor que podem e sabem??

Nunca precisou deles??

O povo??!!! Você é do tempo medieval?? Nesse tempo é que havia o Clero, a Burguesia e o Povo...

E calças rotas de vez em quando também aparecem...ossos do ofício...
 
O anónimo da 7:12 concerteza deve ser bombeiro. O bombeiral tem perturbações sérias relacionadas com o INEM. É que quando INEM assume, o bombeiral é posto de lado e eles ainda não encararam bem a coisa...
 
EU TRABALHO NO INEM.
SOU TAE E ESTOU A CONCLUIR ENFERMAGEM.
TENHO AS CALÇAS ROTAS DA FARDA PORQUE DOU AO LITRO QUANDO TENHO NAS MINHAS MÃOS SERES HUMANOS AO MEU CUIDADO, NÃO FAÇO COMO CERTOS MENINOS DO BOMBEIRAL QUE POR CAUSA DAS QUINTINHAS ÁS VEZES RECUSAM-SE A SAIR DO QUARTEL PARA SOCORRER!
EM RELAÇÃO AO RAMBO, QUERO AQUI RECORDAR QUE É NA ESCOLA NACIONAL DE BOMBEIROS QUE SE LEMBRARAM DE "ACRESCENTAR" MAIS 25 HORAS AO CURSO DE TAS PARA ANDAREM DENTRO DE TUBAGENS AO MELHOR ESTILO DOS COMANDOS.
AFINAL QUEM É QUE É O RAMBO???
SEUS PALONÇOS...
 
Por acaso não sou Bombeiro, nem quero ser, mas era filho de um cidadão que morreu por incompetência do INEM, após de um interrogatório admissível, mandaram pedir socorro aos Bombeiros, mas pelo menos eles vieram fizeram o possível e o impossível, mas o meu pai acabou por morrer mesmo em casa, tinha 50 anos.

Não quero dizer que não exista bons profissionais por ai, mas em relação a identidade devia simplesmente acabar.
 
Que pena ver que só aparece critica negativa...
A inveja faz mal...
Quem faz melhor, levante a voz.
Cuidado porque quem cospe para o ar corre grave risco.
 
.......Ñ podemos pôr tda a gente no mm saco......
 
Mais uma vez nota-se q este blog é mt visitado por malta do pré-hospitalar, e qd surge algo relacionado com INEM, "picam-se" de forma séria!!!;) Certo é, q já há mts TAE's a freq o curso de enf.
No fundo, "quem desdanha, quer .... comprar" :)))))) eheheheheheheheh


Serrano
 
Ó serrano és capaz de ter razão quanto aos TAE irem para enfermagem. Se calhar agora com as SIV vão pedir para passar de TAE a enfermeiros...nunca se sabe;)
 
Pois...
realmente não existe no mundo inteiro sistema de socorro eficaz, porque não existe mesmo...O sr. anónimo realmente sentir-se-á extremamente revoltado com a situação do seu pai, e com razão...perdeu o pai!!!
Mas convenhamos dizer que o socorro em Portugal NUNCA teve tantos meios como nos dias de hoje,isso ninguém pode afirmar categoricamente porque se o fizesse estava a mentir.
Também é realmente verdade que o bombeiral se sinta incomodado com a posição do INEM:criar mais meios de socorro com profissionais do iInstituto,até aqui tinham eles o protagonismo e parece que o começam a perder!
Mas pergunto eu: ONDE ESTÃO OS TRIPULANTES DE AMBULÂNCIA DE SOCORRO DOS BOMBEIROS FORMADOS PELO INEM NOS ÚLTIMOS 10 ANOS??????? Pago com o dinheiro dos nossos impostos????????
Estão a fazer ECIN porque estar deitado á espera de um fogacho ganha-se mais...e o socorro á população é feito pelos aspirantes que mal sabem o que é uma ligadura, ou: "A vitima não tem pulso mas está bem!!!!!!!"
Por isso,sim á profissionalização...

Para elucidar os srs Enfermeiros, uma das funções dos TAE's é receber e ministrar formação, e que eu saiba,frequentar um curso superiorde enfermagem é formação, ou não??????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????
E se calhar os TAE's que frequentam o curso de enfermagem só agora fizeram porque na altura em que o deveriam ter feito não tinham capacidade sócio-económica para o fazer, e se são TAE's é porque gostam do que fazem, dai terem enveredado assim que puderam num curso para o qual tem VOCAÇÃO, coisa que muitos se calhar não tem, mas tiveram que obrigatóriamente fazer uma opção quando terminaram o 12º porque os papás assim o obrigaram.....e adivinhem...."pode ser enfermagem"!!
Não se atrapalhem srs enfermeiros, os TAE's futuros enfermeiros não vos vão tirar o lugar, porque não se pode tirar a ninguém o que nunca lhe pertenceu!!!! CERTO????

Cumprimentos
 
Os TAE's futuros enfermeiros, serão enfermeiros e não TAE.
 
Por acaso, amigo mas é só por acaso, nada nos impede de continuar como TAE mas com competências de um enfermeiro.
Acho incrivel que certas pessoas fiquem todas alteradas só porque um TAE está ou vai estudar enfermagem, só revela que é um profissional com brio que se preocupa com a sua formação e com a qualidade do seu trabalho.
Mas, infelizmente o "Leggionnaire" tem razão, a maior parte dos enfermeiros que sairam nos ultimos anos das escolas,escolheram este canudo porque tinham de ter um canudo, a vocação é algo que não existe, e depois como não conseguem arranjar emprego empregam a sua frustação a dizer mal do sistema.
Recentemente o INEM abriu dezenas de vagas para TAE no País inteiro, O concurso regeu-se por normas internacionais com as respectivas auditorias e com os objectivos bem definidos em termos de avaliação, ou seja: Por exemplo para as 55 vagas da zona centro concorreram 875 pessoas, dessas 875,224 ficaram automáticamente excluidas por não cumprirem os critérios de selecção, das 651 remanescentes perto de 300 eram de enfermeiros em situação de desemprego ou em final de contrato a termo, mas o mais engraçado é que destes enfermeiros que concorreram e que foram á entrevista de avaliação, depois da avaliação curricular, só passaram 6!!!!6 enfermeiros á fase seguinte porque na avaliação psicológica os outros ficaram pelo caminho.
Isto meus amigos só quer dizer uma coisa:Estão a formar enfermeiros ao quilo em Portugal, só por formar, descurando-se a vocação e a qualidade destes profissionais.
E isto vai acabar por descredibilizar a classe dos enfermeiros com muita pena minha.
Por isso desculpem-me mas eu dou crédito, muito mais crédito a quem anda nesta vida como TAE, gosta do que faz e o que faz fá~lo com orgulho, e que depois POR VOCAÇÃO vai para enfermagem.
 
Pois bem meus senhores, voltei, e pelo visto isto aqui não passa da cepa torta.

Em relação a reportagem, penso que os assessores de imagem de imprensa do INEM devem estar de ferias ou andam a dormir, compara os seus operacionais aos Soldados da Paz é ironia, e julgo que o INEM não tem nenhum enfermeiro a fazer Pré-Hospitalar, somente, tem tripulantes de ambulância de socorro, e um punhado de médicos, porque 99% das VMERS existentes, as tripulações não tem qualquer vinco laboral com o INEM, logo não são funcionários desse instituto, mas sim das unidades hospitalares.

È a verdade, dura e crua.

È triste que na reportagem não se fala dos tripulantes de ambulância de socorro, que trabalham no INEM, é triste, mas foram completamente ignorados, mas pelo visto não se preocupam.

Existem milhares de tripulante formados, mas ninguém quer pagar para os ter como profissionais, não existe dinheiro para os manter, toda a gente sabe disso, até o INEM, somente servem como mão de obra voluntária, e com a crise crónica vivida em Portugal, essa mão de obra barata esta cada vês mais reduzida, e as coisas tem a tendência a piorar com a criação do dispositivo do INEM, os senhores que trabalhem, são pagos para isso.
 
Em relação ao facto do que outra pessoa disse sobre ter perdido o pai, acredito que é uma dor imensa ainda por cima quando sentimos que algo mais poderia ter sido feito.
Mas infelizmente todos somos humanos e todos falhamos, o INEM tem feito um esforço enorme no sentido de melhorar o serviço prestado e apesar de ainda existirem falhas(que são sempre graves pois estamos a lidar com vidas)tem melhorado significativamente o serviço de emergência pré-hospitalar.
A profissionalização das ambulâncias de emergência é um passo de gigante que vai mudar o socorro em portugal.Naturalmente não agrada aos bombeiros pois com isso vão perdendo gradualmente uma fonte de receita e de protagonismo, sim porque infelizmente para a maior parte dos corpos de bombeiros o socorro resume-se a numeros, dinheiro rentabilidade, e não me venham aqui dizer que isto dá prejuizo senhores bombeiros, que ter uma ambulancia inem dá prejuizo porque na corporação onde estou não dá prejuizo.
Enquanto existirem pessoas que se recusam a ligar 112 e preferem fazer o transporte de uma vitima ás escondidas do codu porque a ARS paga mais, tenham dó, afinal o que é mais importante? socorrer ou ganhar dinheiro?Ou fazer como eu já vi: Pedem ficha ao CODU, fazem verbete para a ARS e a seguir ainda mandam a factura para casa da vitima, é o chamado 3 em 1.
Dinheiro, só vem dinheiro...
A formação dos operadores que fazem a triagem é cada vez mais exaustiva mas como tudo na vida existem falhas devendo ser neste momento a area mais sensivel do inem, no entanto são já visiveis as melhorias que o inem tem feito nomeadamente na contratação de pessoal cada vez mais especializado de enfermagem por exemplo para acompanhar as triagens feitas pelos operadores e de mais médicos.
Muitas vezes aquilo que atribuimos a uma má triagem é tambem consequência de má informação prestada ao operador e ao médico, mas como quem espera desespera...
 
Fiquei estupefacto, pensava que todos os elementos da VMERS tivessem vinco ao INEM, algo anda mesmo mal da emergência.

Desculpa pirata, tudo tem custos, gostava de saber se consegues manter uma tripulação de com ambulância 24 horas com 1100 euros mensais?
E receberes 40 cêntimos ao Km, deves rezar quando estiveres de serviço para exostir azares.

E depois se ela estiver em serviço como é?
Pois,pois não tem respostas, as coisas funcionam porque existe mão de obra voluntária, mas ela vai acabar brevemente….

O meu corpos de Bombeiros tem profissionais para o pré hospitalar, mas somente existem porque o serviço nocturno é efectuado por TAS voluntários, e os voluntários actualmente mostram renitentes em sair na ambulância do INEM, preferem sair nas ambulâncias de socorro dos Bombeiros, porque como eu digo, o INEM não paga para andarmos a fazer publicidade barata, e brevemente esperamos que o INEM ponha até uma ambulância no centro de saúde, passam a fazer os senhores todos os serviços, bêbados, e levar para o hospital todos os serviços que os senhores doutores não querem consultar na hora do seu expediente, e até consultas, até consultas, como o Paulo diz, são pagos para isso, já agora levem consigo os limpa cus, servem sempre para pegar nas cadeiras e na maca.
 
Meninos...

Existem bons ortopedistas por ai....
E tratam essas dores de cotovelo!!!!
 
Qual dor de cotovelo?
Mais acima alguem disse que apenas 6 de sei la quantos enfermeiros passaram numa pre selecção... eu trabalho no inem em lisboa e digo-vos dos enfermeiros que concorreram as SIV so 2% do total ( e estou a falar de CENTENAS DE ENFERMEIROS SIM ESTÃO A LER BEM CENTENAS ) dos concorrentes conseguiram efectuar RCP ADULTO como deve ser!!! o resto amigos... fruta do chão qualquer bombeirinho com um TAT faz isso sem erros e os supra sumo altamente especializados ñ percebiam um boi daquela merda!!! tenham vergonha sejam humildes metam-se no hostipal que la é que voçes estão bem e deixem evoluir a carreira de tecnico de emergencia medica como deve ser.
E em relação á foto reportagem é uma vergonha para o INEM ter feito aquilo e nem ter falado nos TAE porque se ñ houver enfermeiro a vmer ñ para porque vai pra la um TAE, mas se ñ houver TAE nas ambulancias os enfermeiros ñ vão para la e todo o inem pára logo naquele instante é pena mas os TAE ja se vão habituando á Publicidade.
Mas aquilo tem um porquê È que o inem tem de adoçar a boca aos enfermeiros para as possiveis SIV para ñ lhe faltar mão de obra baratinha... publicidade amigos... a mão dobra barata está a chegar á enfermagem...
 
Olha lá anónimo...estás a ver a barcaça do lado contrário!!!!

Olha lê bem o que está escrito acima...~

Tem calma...deixa-os "pousar"!!!!

E não utilizes esse tipo de linguagem, não é essa a imagem dos TAE's!!!!

;-)))
 
Amigos aquilo foi um erro da foto reportagem os jornalistas engenaram-se porque pensavam que os tecnicos das ambulancias tambem eram enfermeiros e naquelas fotos so la está um enfermeiro e um medico o resto são todos TAE eu mesmo estou numa daquelas fotos lolol mas vai sair um comunicado sobre isso ainda bem que referiram a foto reportagem aqui e o livro tambem, porque vão engolir um sapo bem grande ou seja 70% das fotos e intervenções do livro e da foto reportagem são apenas e so com TAE's so espero que quando aquilo sair e que mal falem nos enfermeiros tambem o coloquem aqui lololol.
 
Não uso porquê legionnaire se estes palhaços ñ percebem nada desta merda metem colares cervicais de cabeça pra baixo metem planos duros DENTRO de macas de vacuo e fazem rotações a vitimas imobilizadas dentro de carros com colete quando ha suspeita de trauma da bacia ignorando completamente o desencarceramento, ñ sabem fazer rcp adulto e dizem que são tecnicos de saude sem saberem o que fazer e que so vão para enfermagem porque os pais os obrigam a ter um curso superior e por causa destes palhaços que agora estão no desemprego e quererem vir para as ambulancias a nossa profissão ñ evolui... Voçes estão enganados no nome da profissão para mim ñ eram enfermeiro era MERCENARIOS
 
LOLOLOL. Se querem exercer Enfermagem vão fazer o curso. Não estejam aí a mostrar a vosso "descontentamento" desta forma tão... leviana e baixa. Se quiserem crediveis mostrem educação, conhecimentos e respeito, caso contrário serão sempre olhados de lado ou de cima. A formação também se vê nisto. Quanto às acusações de que os enfermeiros de ignorância e incompetência... é sé ver como os doentes chegam ao Hospital. Se permacessem mais 30 min após "entregarem" o doente numa urgência iriam ser confrontados com os vossos erros, que não são poucos, aí já não estariam tão "indignados" com atitudes doutras classes profissionais(enfermeiros)e veriam que os erros começam em vocês. Quanto Às acusações de que o lugar dos enfermeiros é no hospital: aprende história e vê quem começou a prestar cuidados a doentes no meio pré-hospitalar, não foram TAE´s mas sim enfermeiros. Alguma dúvida?
 
"Os enfermeiros portugueses têm pouca visibilidade na sociedade actual, por razões históricas"

Mariana Diniz de Sousa, bastonária da Ordem dos Enfermeiros em entrevista à Semana Médica. 57 (10 de Maio de 1999).13
 
Uma coisa eu tenho a certeza...
O INEM decidiu mexer no socorro, iniciou a profissionalização das ambulancias de emergencia, dentro de 5 anos a rede nacional de ambulancias de socorro será profissional quer gostem ou não, com profissionais a 100%, e depois como será? para os bombeiros?
Continuo a dizer que por causa das quintinhas, por causa do protagonismo que os srs comandantes querem ter, por causa do melicias e caldeiras dentro de cinco anos o socorro em portugal apenas vai ter duas entidades:
O INEM E A GNR!!!
E se calhar vai ser a melhor coisa para a população...
 
Ao Sr.Anónimo das 10h37,

É engraçado porque o senhor põe toda a gente no mesmo saco e contra si fala. Todos sabemos que em todo lado há bons e maus profissionais, agora daí a generalizar isso às classes correspondentes é um tremendo erro de quem não tem qualquer ética profissional. Sejam Enfermeiros ou Tae. Fale se si próprio e actue no terreno como deve ser, respeitando todas as classes profissionais intervenientes e para o bem da vítima. Para mim, com essa maneira de pensar e de se exprimir, só poderá ser um mau profissional e que põe os seus interesses à frente dos interesses das vítimas.
Quer queira quer não há enfermeiros,tae's e médicos no pré-hospitalar. Eu próprio tenho mais anos de TAS do que de Enfermeiro e digo-lhe que há muitos mais como eu e que não têm qualquer problema em fazer PH com qualidade. Mas para o senhor, como somos enfermeiros já não prestamos não é?
Ainda lhe digo mais, o meu TAS foi tirado na ENB durante 6 semanas e com estágio. Poderia ter ido ao INEM, mas foi a ENB que me chamou primeiro e foi para onde fui. Exatamente porque queria mais formação.
Quer dizer que os colegas TAE que estão em enfermagem, quando terminarem o curso, estarão melhor dentro do hospital, pela sua lógica. Se reparou chamei-os "colegas" porque é assim que os considero.Serão enfermeiros e continuarão meus colegas.

Como dizia o meu avô: quem tem telhados de vidro não atira pedras ao ar!

Saudações
 
MAIS NADA!!!!
 
bem dito,como TAE que sou concordo ctg
 
Propriamente o INEM, vai assumir a totalidade do Pré-Hospitalar, e com isso todos os problemas existentes, problemas esse que vai arruinar com o INEM, porque com o SNS que existe em Portugal, vai ocupar a totalidade dos meios existentes, um bebé choram que nuca se contenta com o que existe.

Actualmente já temos VMERs a fazer consultas domiciliárias, somente falta passar receitas, mas com o tempo lá chegaremos.

Ambulâncias de socorro do INEM, já a andam a fazer serviços de ambulâncias de transporte, até já fazem altas hospitalares e transferências inter hospitalares, esta na altura de pagar favores, e existe tirar rentabilidade desses meios, e somente existe uma forma, pólos a transportar doentes em vez de accionar outras identidades.

E as SIV vão pelo mesmo caminho, o tempo dirá se eu estou certo ou errado.

O Bombeiros, dedicaram ao socorro e ao resgate, o transporte fica para o INEM, e os meios dos Bombeiros dessa área, serão usados para os seus associados ou para quem tem capacidade dos pagar, e mesmo assim em numero reduzido, o INEM passara a ser a santa casa da misericórdia do povo e do SNS, até o presidente do INEM já viu o futuro, por isso mesmo que alguns meses a traz disse que o melhor era o INEM sim simplesmente acabar.

Porque é que sera.
 
Olha lá anónimo das 10:21...

E a seguir acordas-te não foi?????

hihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihi

(Já agora...umas aulitas de português ficavam-te a matar!!!)

;-P
 
Uma verdade muito inconveniente, ele até tem razão, basta ver como funciona o nosso serviço de saúde em Portugal, não devem estar a pensar que somente vão fazer transporte urgente primário?

Eh eh eh ehe

Vão fazer transporte urgente secundário e transporte não urgentes, como manda o relatório da entidade reguladora da saúde.
 
Meus amigos, vocês devem viver todos em Marte!!!
Mas claro que as ambulâncias vão fazer transportes, isso será o mais natural.
Temos o País que temos com as suas naturais limitações.
Acho absurdo é as pessoas acusarem o inem de fazerem isso como se fosse uma coisa do utro mundo, quando os bombeiros e curz vermelha fazem isso á séculos...
Se vivessem na civilização perceberiam que existem milhares de idosos sem condições para pagar um serviço de ambulância que é explorado ao máximo pelos bombeiros.
A exploração leva ao limite as condições económicas dos velhotes que ganham reformas de 200€, os senhores bombeiros levam o couro e o cabelo pelo serviço existindo pessoas que deixam de comer para pagar os serviços aos bombeiros.
Portanto se o inem pode fazer um em cinco serviços desses, eu acho muito bem pois está-se a dar utilidade aos nossos impostos.
Acho uma piada aos criticos deste sistema que apenas falam em operacionabilidade como se fossem os rambos do pré-hospitalar, no final acabam por fazer dois ou três serviços por mês em trauma e o seu trabalho acaba por ser restringido a segurar o soro fisiológico.
Tenham dó, sejam honestos, vocês todos tem a mania de que são os mairoes ,mas estão aquem da realidade e convençam-se que o pré-hospitalar é muito mais do que trauma.
Os rambos são uns palonços, burros parvos e estupidos que descarregam a sua frustação nos blogs...
Ó pá vão estudar ,cultivem.-se sejam pessoas racionais e cultas...
 
Pimba....dá-lhes pirata!!!!

Esses pacóvios, palonços, alcoviteiros....pseudo qualquer coisa (sim...porque nem se sabe bem o QUÊ!!!)

hi hi hi hi hi hi hi hi hi hi hi hi hi
 
Ó pirata vai-te la var por baixo pra ires ao circo
 
Uma coisa é notório no pirata e cada vez mais vulgar na nossa sociedade, os estudos não lhe deram capacidade de ter educação.

Claro que as ambulâncias fazem transportes, mas existem vários tipos de ambulâncias e tripulações, se queres fazer serviços transportes urgentes e transportes não urgentes, o INEM bem podia ter ambulâncias de transporte, tripuladas com TAT, sai sempre mais barato aos bolsos dos contribuintes e o Pirata estaria no sitio certo com o muito enfermeiros por aqui.

Os Bombeiros cobram aos utentes serviços?
Sim, tem lógica, se o INEM ou o SNS não querem suportar os encargos do socorro, porque é que os Bombeiros a suportar?
Fica sabendo que o MAI e o SNBPC não dão qualquer verba ou ajuda de custos para aquisição de meios, nem para manter esse serviço na área do Pré-Hospitalar, e tudo tem custos elevados como sabes, e muitos bombeiros tem dividas motivado pela impossibilidade de cobrar os serviços efectuados aos cidadãos, mas os serviços são feitos na mesma, mesmo os serviços que são recusados pelo INEM, como o caso de Torres Nova, onde o INEM chutou a bola para o campo do adversário, uma norma comum ultimamente.

Olha quem fica a espera de uma VMER para poder mexer na vítima de trauma ou para poder fazer o NTG a um doente, não são Bombeiros, são os senhores, que perderam qualquer capacidade de poder se pronunciar ou impor as normas do INEM.
 
Uma coisa é notório no pirata e cada vez mais vulgar na nossa sociedade, os estudos não lhe deram capacidade de ter educação.

Claro que as ambulâncias fazem transportes, mas existem vários tipos de ambulâncias e tripulações, se queres fazer serviços transportes urgentes e transportes não urgentes, o INEM bem podia ter ambulâncias de transporte, tripuladas com TAT, sai sempre mais barato aos bolsos dos contribuintes, e o Pirata estaria no sitio certo com o muito enfermeiros por aqui.

Os Bombeiros cobram aos utentes serviços?
Sim, tem lógica, se o INEM ou o SNS não querem suportar os encargos do socorro, porque é que os Bombeiros têm de suportar?

Fica sabendo que o MAI e o SNBPC não dão qualquer verba ou ajuda de custos para aquisição de meios, nem para manter esse serviço na área do Pré-Hospitalar, e tudo tem custos elevados como sabes, e muitos bombeiros tem dividas motivado pela impossibilidade de cobrar os serviços efectuados aos cidadãos, mas os serviços são feitos na mesma, mesmo os serviços que são recusados pelo INEM, como o caso de Torres Nova, onde o INEM chutou a bola para o campo do adversário, uma norma comum ultimamente, mas os Bombeiros foram lá,é o INEM o que fez?

Olha quem fica a espera de uma VMER para poder mexer na vítima de trauma ou para poder fazer o NTG a um doente, não são Bombeiros, são os senhores tripulantes de ambulância de socorro do INEM, é o que são legalmente, TAS que perderam qualquer capacidade de poder se pronunciar ou contrariar as normas do INEM, e a reportagem é uma prova disso, nem existem para o INEM. Eh eh eh eh ……
 
este paulo ferreira é VOMVEIIIIRUUUUU...de certeza...trolhita doido, és mesmo burrinhuuuuu....

a ignorância toldou-te os neurónios mininuuuuuuu
 
Paulo, coitado de ti...
Precisas de te elucidar um pouco mais.
Aliás como o genero dos bombeiros és bom a criticar, mas apenas nisso: na critica...
no resto ...
Temos pena!!!
 
Ummmm, já estou cansado de explicar aos usuários que navegam neste blog como as coisas são legalmente, qual foi a coisa que não entenderam?
Posso fazer um desenho querem?
È como nos putos da primaria.

O tinoni das lezírias, qual é a tua solução para os serviços transportes urgentes secundários e transportes não urgentes?
Quem tem obrigatoriedade de os fazer?
Quem deve assumir os custos?
Em que tipo de viatura devem ser feitos?

Tentem dar respostas perante a lei nacional, se conseguirem, o que duvido……
 
Meu caro paulo,falas no caso de Torres Novas!Como bombeiro devias ter vergonha de dar esse exemplo,pois para além de ser funcionário do INEM sou bombeiro e tive muita vergonha em ouvir o inegrume do Comandante BVTN a falar,como pode prestar declarações aos midia uma pessoa que não tem qualquer formação e envergonhar os bombeiral de Portugal!!!
Dizer que a tripulação no local não podia avisar o CODU porque tinham que reverter a PCR!aquele senhor não sabe o ALGORITIMO de SBV?!Se calhar esquede-se do 2 pedido de ajuda (ligar ao CODU),pois se calhar porque o CODU é do INEM e não convem pedir ajuda ao INEM!!!!!!!
E depois vem dizer que a tripulação comunicou com a sua central via radio!Então agora a prioridade não era reverter a vitima?
Já agora faço aqui um apelo,se por acaso alguem que ler este post,e conhecer essa Vergonha de Comandante,perguntem-lhe se alguma vitima reverte com SBV?????????
É por estas e por outras que os bombeiros de portugal são o que são,uns coitados graças aos seus comandantes e aos Caldeiras!!!!!!!1
 
Este comentário foi removido pelo autor.
 
Mesmo que a primeira ambulância tivessem pedido apoio da VMER , não mudava nada.
Não existia VMER, uma situação que esta a ser habitual, onde muitas tripulações de ambulância deixaram de acreditar no sistema, porque a resposta é sempre a mesma, inicie manobras e transporte até unidade de saúde.

Deviam ler o relatório sobre o caso antes de falarem sobre ele.

Ainda estou a espera dos comentários sobre as perguntas efectuadas …
 
Pois mas também as criticas entre as várias entidades vai acabar acurto prazo!Segundo imposição do Governo o Inem vai ter que ocupar até final de 2008 todo o País,e aí podem criticar e culpar somente o INEM!
Todos criticam a instituição,mas todos davam o rabiosque para lá trabalharem e usar as siglas TAE!!!!!!!!!!!!!!!
 
Sigla TAE?????
Foda-se! Preferia carregar baldes de massa!!
VoçÊs devem-se achar o quê?
Não devem ter presente a vossa pequenez, pois não?
São uma versão moderna de maqueiros!
 
Pra lá está, essa é que é essa...
Sr Paulo Ferreira, é habitual não haver VMER disponivel e sabe porquê???????????????????????????????????????????????????
Porque nunca houve, e as que existem foram criadas, ou o SR queria uma VMER para cada saida ????????

Deve ser rico, e se caso o é....é pá...patrocine !!!!!!
 
Desculpe mais uma vez....estive a pensar, e o Sr paulo ferreira deve ser MESMO MUIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIITO BURRO!!!

Ouça lá ó animal, então em alguma altura da sua ténue e pobre existência você se lembra de existirem tantos meios de socorro em Portugal como hoje????????

Responda besta quadrada!!
 
Eh eh eh , cambada de ignorantes , ficam todos doidos quando a verdades são inconvenientes, se não existia VMERs, porque é que os senhores ficaram irritados quando os Bombeiros não informaram o CODU da situação da PCR?
Mas existia VMERs como diz o relatório, mas não estavam disponíveis, só deus sabe porquê…
Eu até já patrocino muito para que elas existem, aquilo que eu pago em impostos, seguros e para segurança social, dava para manter pelo menos 5 VMERs o ano inteiros.
Já disse que TAE não existem, o que existe são TAS, são tripulantes de ambulância de socorro, pessoas credenciadas que tripulam ambulâncias de socorro, enquanto os senhores enfermeiros quando andam nas VMERs são simples condutores, nada mais e servem para alancar com as malas ou para abrir caminho as ambulâncias, se não perderem-nas pelo caminho, o que tem sido habitual ultimamente na minha zona.
A quantidade não quer dizer qualidade, mas quanto mais melhor, e existe a necessidade de ver os custos comparado com o serviço efectuado, porque com os cortes orçamentais que tem existido, duvido muito que exista um aumentos de meios, mas se os doentes se salvam no pré-hospitalar, muitos deles acabam por morrer por falta de meios nos hospitais, é lixado mas é verdade
 
Não generalizo a coisa, até porque já disse que em todas as classes há bons e maus profissionais. Mas verdade seja dita, alguns TAE parecem uns "motores de maca". No entanto também há alguns Enfermeiros maus profissionais...infelizmente no serviço onde trabalho tenho exemplos disso. Tal como maus médicos também os há...vejam-se os crescentes casos de negligência médica. E veja-se a quantidade de vezes que o enfermeiro tem de dizer ao Sr. Dr. "prescreva antes isto" ou "Atenção que esta medicação reage com aquela". Ou mesmo em Emergência o Sr. Dr. dizer ao Sr. Enfermeiro "Entuba tu que não me sinto à vontade para o fazer"...

Apesar dos maus profissionais, haverá sempre uma maioria de bons profissonais que farão sempre o seu melhor, sem olhar a patentes...

Pena que sejam encerrados tantos e tantos SAP's para que apareçam tantos meios de socorro...mas por vezes há males que vêm por bem...veremos se estas mudanças serão para melhor (assim o espero).

Saudações
 
Paulo? Cale-se. Ainda não saiu nada de jeito.
 
Ó trolhas...

Acordem prá vida catano!!!!

Reclamam dos impostos e seguros que pagam para que o INEM invista nisto e naquilo e não criticam os srs doutores e enfermeiros que estão nos SAP's que só sabem passar "guia de marcha" para os bombeiros transportarem para os hospitais?????

Ó meus animais, e o dinheiro que esses senhores ganham nos SAP's a ver tv todo o dia e noite nem para as vitimas olham????

Camelos....ignorantes...cambada de abstuntos encanudados que só falam mal de quem quer trabalhar bem!!!

Estão mal...MUDEM-SE DE PAÌS!!!

Jumentos falantes...
 
;-P
 
(Ou mesmo em Emergência o Sr. Dr. dizer ao Sr. Enfermeiro "Entuba tu que não me sinto à vontade para o fazer"...)

Deve ter sonhado com essa frase seguramente... ou então está a precisar urgentemente de um psiquiatra. Não acredito que algum médico tenha feito isso até porque pode ser responsabilizado por fazer ou sugerir sequer o que acabou por dizer. O sr é um aldrabão. Acho que no fundo é por isso que os enfermeiros gostam tanto de fazer VMER. Assim podem vir para o seu bairro dizer alarvidades destas e vangloriar-se com disparates acerca do que fazem e principalmente do que não fazem. Tenha vergonha e cumpra correctamente aquilo que é prescrito que já faz muito.
 
Não vou descer ao seu nível tão baixo de diálogo, parece que nem a primária frequentou...foi isso que lhe ensinaram na sua vida?!Tratar mal os colegas???!!!!Santa ignorância...enfim...

Aliás,assisti a situações dessas durante a minha formação de TAS. E porque não haveriam de o fazer???!!

O sr. deixaria de o fazer para deixar morrer a vítima?? Até ensinam a fazê-lo no TAS...pelo menos no meu curso ensinaram...em Enfermagem também me ensinaram. Ainda lhe digo mais, dentro dos hopsitais também não é inédito um enfermeiro entubar!!

Dá para ver que o sr. ocupa o seu dia-a-dia a detectar falhas dos outros para os acusar...mas para quê??Quer subir na vida à custa dessas atitudes??

Olhe mas é para o seu umbigo e desempenhe o seu papel convenientemente, nem que seja a puxar a maca ou a segurar um soro...

Saudações
 
Se o fazem quer em meio hospitalar quer fora dele é grave ! Usurpação de funções e exercício ilegal de medicina pelo menos. Portanto a única coisa digna que deveria fazer era recusar admitir que o faz. Está a executar um acto médico sem qualificação para tal. E não me venha com essa que entuba no manequim 500 vezes. Simplesmente não lhe compete fazê-lo. E muito menos vir alegar que lhe foi delegado executar esse acto. Responsabilidade médica é para licenciados em Medicina. Quanto a prescrições...valha-me Deus! aconselhar um médico a prescrever....francamente.. quer que lhe diga a quantidade de vezes que enfermeiros se recusam a administrar a terapêutica que prescrevo por simplesmente ignorarem as doses, diluiçoes e vias de administração ? Na via epidural por exemplo tenho de fazer autenticas prescrições para "meninos da primária", tipo receita culinária (misture x de farinha com 2 ovos e x de açucar) e ainda assim me chamam para que seja eu a preparar e administar a terapêutica ! Rídiculo!
 
O Paulo é mesmo mt mas mtmtmtmtmt burro!TAE não existe?!Tens que ir a Penafiel e comprar umas palas para veres bem,vai dar uma olhadela ao diario da republica e ve se não existe a profissão de TAE e como também já se encontra defenida a sua progressão de carreira ao BURRO!!!!!!!!
UPs esquecime,a vossa ao quanto parece é que não esté mt bem defenida.É pena não estares neste curso de SAV que está a decorrer,porque assim tinha o prazer de te conhecer e sempre veria como trabalhas e se na minha presença tinhas tanta letra!!!!!!!
 
Cromo Paulo,aqui tens onde ler sobre a PROFFISSÃO DE TAE!!!
D.R. 1 série B n.201 de 19 de outubro de 2005.
Vai lá antes de dizeres merda por essa boca fora!!
 
Ó Sr. Médico peço desculpa se o ofendi!!!
Tenho a dizer-lhe que eu não disse se o fiz ou não. Mas há colegas seus que não entubam porque...não sabem!!
E o Sr. Médico sabe que é verdade!
E o Sr. andou a estudar 6 anos (ou mais) para saber alguma coisa e para ensinar quem não sabe. Se os colegas não sabem fazer algumas diluições pelo menos têm dignidade para dizer que não sabem. Também o faço quando não sei e não me cai nenhum braço por isso.
Tal como colegas seus reconhecem quando não sabem algo. Porque não podem ser como o Sr. que parece ser detentor de todo o conhecimento.

Saudações
 
Selink, andas a consumir demasiada erva, estas a referir a um D,R de contratação de pessoal?
Deves consultar a página da A.N.Q, Agencia nacional de Qualificações, para veres o perfil do tripulante de Ambulância de socorro, ou o regulamento de transporte de doentes.
A sigla de TAE foi recusada, e podes ver como podes tirar o certificado Aptidão Profissional na A.N.Q, um documento que permite exercer uma actividade profissional na CEE, mas isso é outra guerra que não é para aqui chamada.
Mas em Penafiel ficaras alucinado sobre isso, em relação ao curso de apoio ao SAV fez parte do Curso de TAS na ENB.

O curso SAV, já tirei a alguns anos, mas legalmente não posso aplicar essa técnica que é considerada um acto médico, e respeito isso.
 
pois mas essa é a nossa diferença,é que eu dou formação em SAV,e faço SAV 2 vezes por semana,Os TAE´S que tem SAV fazem-no sempre que fazem VMER!!!!!!!
 
Sellik, vai dormir. Os poucos TAE que ainda não foram corridos das vmer, não fazem sav. não podem. prestam apoio a quem faz, neste caso o médico.
uns pingados com meia duzia de horas de formação, e já pensam que são alguém...
 
pois sellick....my heroe!!!!

deves ser especial!!
 
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
 
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
 
Pois falar dessa forma é facil,demonstra bem a vossa categoria!!!!
 
Vou vos contar um história, que não é ficção para que voces reflitam sobre as vossas guerrinhas trivias: - um certo dia, numa "grande" cidade portuguesa, houve um acidente com uma vitima do Sexo Fem, 35 anos encarcerada, estado grave. Foram para lá bombeiros (TA´s), Inem (TAE´s) e Vmer.
Todos queriam mandar, o chefe dos B. não deixava a equipa Vmer aproximar da vitima, os TA´s e debaterem-se com aos TAE´s de quem era a vitima,e a equipa da vmer impotente e foi BARRADA e a vitima angustiada a assistir tudo isso. Perderam-se minutos na discussão e ninguém a assistir vitima. A Vitima deixou de assitir, sim MORREU sem que lhe tivessem assistido por quem quer que seja, pois estavam ocupados discutir a puxar galões. O marido viu tudo isto a contecer... Quase todos ostentavam orgulhosamente os seus coletes, galoes, capacetes a dizer o que cada um era. O que aprenderam nos cursos, o que lhes valeu os titulos que ostentavam não aplicaram para tentar salvar a vitima, o que é aquilo para o qual VOCES foram formados e são pagos. Os impostos pela qual essa vitima e outras vitimas anónimas descontavam não é para voces ostentarem cursos, crachas, carros (agora até parace um concurso de tuning´s. Louvo a titude do enfermeiro que tentou salvar a situção dizendo "olhai para o doente, vamos salva-la e não discutir". Mas até esse pobre coitado foi BARRADO e Insultado (como se os insultos salvassem a situação...)
Essa senhora era mãe de 2 filhos, esposa de um marido dedicado. Quem justifica isso....
Nõ sou enfermeiro, nem bombeiro, nem trabalho para o INEM, fui um simples transeundo que assistiu incrédulo a esta situação. Cada um de nós paga para voces trabalhrem o melhor possivel para ser socorrido e não ficar a ver voces a discutir.... alguem deve ter ficado com peso na consciencia....
 
Bom dia, lamento tanta rivalidade. Mas estao a esquecer uma grande coisa (qual é o instituto de ensino superior que ministra Emergencia Médica).
Sei que existem Enfermeiros bons e menos bons, bem como tripulantes de ambulancia, mas o que noto na minha experiencia profissional é de que saiem das Faculades enfermeiros sem nenhuma formação pré-hospitalar e que de SBV ou SAV nada sabem, infelizmente, a carga curricular deveria ser bem pensada. Quanto as rivalidades deixem isso para outros e estudem e pratiquem cada vez mais pois todos nós somos poucos, Enfermeiro, TAE, TAT, Socorristas de rua e Formadores. Um abraço de solidariedade para todos aqueles que de uma forma abnegada vão salvando vidas.
 
Mais uma vez se nota pelos comentários aqui proferidos a rivalidade entre pessoas que deviam de andar de "mãos dadas", bombeiros, técnicos e profissionais de saúde afectos ao pré hospitalar. Um bombeiro com TAE ou TAS não sabe menos que um TAE do INEM, os cursos são iguais.
O que importa aqui não é: "..Eu sou melhor que tu...", porque são atitudes dessas que todos os dias fazem manchetes nos jornais e que alimentam ódios onde não os existem. Num acidente vamos andar à pancada para ver quem é o melhor a tratar um sinistrado, acho que não. Vamos é fazer os possiveis para fazer com que a vitima chegue sã e salva à unidade hospitalar.
Por isso desde que as atitudes mudem, quer de bombeiros quer de responsáveis do INEM, a emergência pré-hospitalar e as populações ficam a ganhar. Quanto aos comentários mesquinhos aqui proferidos por ambas as partes , quer de técnicos quer de bombeiros, termos como bombeiral, apenas denegri a pessoa que os profere. Vou deixar uma ultima nota: Ataques pessoais neste caso, são o reflexo de pessoas ignorantes.
Uma palavra de incentivo e de abegnação para todos aqueles (bombeiros, TAE'S, enfermeiros)que fazem do pré hospitalar a sua meta.
 
Sellik, "...dar o rabiosque para usar as siglas..." Bom em primeiro não dei o rabiosque e usei as siglas. Mas infelizmente muitos TAE's e bombeiros só lá estão para usar as siglas, porque em trabalho práctico são umas nódoas. Infelizmente para muitos somente as siglas são mais importantes que o trabalho que podem fazer. As siglas são para mostrar nas noites de fim de semana nos bares e outros sitios apinhados , para os outros saberem que eles (os das siglas) são muito bons. Enquanto não passar essa ideia da cabeça de muitos por este país fora, a emergência pré hospitalar em Portugal nunca sairá do amadorismo. Tanto nos bombeiros como no INBM (Instituto Nacional de barraca médica).
 
Caríssimos, nem me dei ao trabalho de ler a totalidade das vossas opiniões, pois é exactamente de pessoas como vocês que o socorro pré-hospitalar não precisa, mostram um inexperiência e uma incapacidade de raciocínio enorme. Saiam detrás do computador e venham para a rua fazer serviço, ganhar experiencia, e aperceberem-se que na rua não existem siglas, nem lobbies mas sim um conjunto de pessoas que se empenham ao máximo para ajudar o próximo. Não defendo nem culpo ninguém, só vos peço é que se deixem destas discussões que nada contribuem para a evolução do socorro. Bombeiro, TAE, enfermeiro ou médico. O que interessa, para quem está por exemplo com uma hipoglicémia até podia ser um pedreiro a fazer as glucoses… Acham que ela se importaria?
 
Sou Tripulante no INEM e considero que existe muita duvida relativamente ao lugar de cada um no SIEM. Os TAE's são responsabilizados pelos seu erros . Agora os erro surgem por algum motivo: Falta de formação??? Sinceramente esse aspecto acho que toda a formação é pouca para este tipo de trabalho. Muitos TAE's fazem o seu trabalho por gosto outros pela farda outros pelo dinheiro. Antes de criticarem tentem ver as condições de trabalho, os direitos retirados, os abusos verbais que ouvem e tudo isto sem direito a terem defesa. Devemos ajudar a identificar as reais necessidades do nosso país! Valerá a pena pagar a tantos Médicos com cargos de gestão?? Valerá a pena pagar a tantos Enfermeiros com cargos de Gestão??

Na área na Emergência Médica não pode existir Médicos e Enfermeiros em cada Esquina de uma rua.
Pensem a nível de Segurança, não têm a Policia Judiciaria a fazer patrulha, têm sim a P.S.P.. A mesma coisa para esta área, devemos procurar uma solução digna para o nosso povo e não aplicarmos os interesses existentes da classe médica. Costumo dizer que É DEUS NO CÉU E OS MÉDICOS NA TERRA. Os Médicos e os Enfermeiros estudam para trabalhar num Hospital, Centro de Saúde, etc... Depois tiram um curso para trabalhar na Rua com pessoas, familiares e população. Nem sempre estão cientes na responsabilidade que carregam aos Ombros
 
Boa tarde! Sou um jovem de 18 anos que acabei o 12º e nao sei bem o que fazer futuramente!Mas gostava de seguir uma carreira como a de muitos de voces! poder ajudar as pessoas que precisam! Mas eu não quria ser só bombeiro de uma corporação, gostava de ser tripulante de uma ambulancia INEM por exemplo!

Alguem me pode explicar a difrença entre TAE TAS e outros assim parcidos? Eu gostava de ser tripolante de uma viatura de sorroco dessas!

Espero resposta!
Obrigado!

Andre
 
bem.. vou ser breve, já que ate sou bombeiro e neste fórum nos não somos bem vindos..

fui a uma conferencia do INEM, em que estiveram os responsáveis pelo Pré-Hospitalar de outros países ..
"técnicos de pré-hospitalar no terreno, medico e enfermeiro no hospital" - EUA
mas ainda bem que em Portugal temos as VMER's, sim porque essas são INEM.. agora esses TAE's que falam dos bombeiros e no verão vem para os quartéis fazer ECIN porque o filhote precisa de fraldas e o INEM não ta para os manter porque ate já deram 4 erros.. ainda não sei bem o que vocês tem contra nos, quer dizer.. gostava de saber como começou.. esta semana o meu corpo de bombeiros foi fazer um serviço, um atropelamento de um miúdo de 6 anos.. o medico do hélio quando chegou ficou sem palavras com o nosso trabalho, e ainda pediu para enviarmos fotos do nosso plano-duro pediátrico para o INEM, porque eles não tem..


abraço a todos os bombeiros aqui presentes !
 
INEM, Cruz Vermelha Portuguesa, Bombeiros, Centros de Saude, SAP´s, Hospitais,TAT, TAE, TAS, ENFERMEIROS, MEDICOS.

Li todos mas mesmo todos os comentarios, e pergunto.

Ando eu a 10 anos a prestar servico na area da saude para ver isto?

Meus amigos, ganhem todos tino, A emergencia nao e bem sucedida se os principais orgaos nao estiverem em sintunia, ora vejamos o exemplo dado mais acima. Morreu uma mulher, se fosse a minha todos os presentes nesse acidente nao praticavam mais decerteza.

Agora pelo amor de deus, a maioria de voces acha que tem razao nas besteiras que diz.

Já fui bombeiro, estou actualmente na cruz vermelha, e nunca consegui perceber porque existe rivalidades, quando o que interessa muitas das vezes nao e cumprido.

Ser tripulante de ambulancia nao e uma brincadeira de meninos, e uma grande responsabilidade, as pessoas confiam em nos.

Verdade seje dita, meninos de 15 anos, nos bombeiros, sem cursos a fazerem emergencia a 2 e um erro, é sim senhor, e nao me venham dizer que nao existe pk eu ja fui bombeiro e vi isso. Para a cruz vermelha so entram quando acabarem o curso TATUS ( TAT unidades de socorro) Agora Ser TAE e ser maqueiro?? Quando sao eles que fazem a maioria dos servicos e apoiados pelas reservas inem que a maioria das vezes sao os bombeiros que as detem.... Nao percebo a confusao.

Maus e bons tecnicos a em todo o lado, cabe a cada um avaliar-se, somos humanos cometemos erros, cabe a cada um corrigilos...

Vamos levantar a cabeca, comecar a trabalhar em conjunto, porque isto assim nao vai para a frente.

Abracos a todos os Tripulantes de ambulancia, CRUZ VERMELHA, BOMBEIROS, INEM
 
Ora boas...Sou TAT á 6 anos numa empresa privada de transporte de doentes. Queria apenas deixar umas perguntas no ar. Como é possível o INEM alegar que não justifica uma ambulancia de emergencia para o local para uma pessoa que está a fazer um AVC? Como é possível os bombeiros alegarem o mesmo a uma vitima com fractura exposta? O porquê do operacional do CODU quando para lá ligamos, fala-nos como se fossemos leigos na matéria quando numa ocasião um TAE queria colocar um colar cervical pediátrico num adulto! Já para não falar na arrogância de ALGUNS TAE quando chegam ao local e nós ja lá estamos a dar assistência. Chegam de "peito inchado" e no final, nem um obrigado nos dão. Um pouco de humildade não lhes ficava mal! Há quem trabalhe neste ramo por amor á camisola e aquilo que faz e ha quem infelizmente trabalhe pq o dinheiro ao fim do mês faz falta. Todos sem excepçao deveriam de lutar pela mesma causa...SALVAR VIDAS E AJUDAR QUEM MAIS PRECISA!
 
Enviar um comentário



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

AmazingCounters.comVisitas ao blog Doutor Enfermeiro


tracker visitantes online


.

Novo grupo para reflexão de Enfermagem (a promessa é: o que quer que ali se escreva, chegará a "quem de direito")! 

Para que a opinião de cada um tenha uma consequência positiva! Contribuição efectiva!