quinta-feira, outubro 08, 2009

Bastonária da OE comenta (TVI24)...

Segurança da vacina da Gripe A;
Famílias perdem 17 mil milhões de euros com a crise;
Pobreza envergonhada;
Comemorações de 5 de Outubro;
Prémio Nobel da Medicina.

video


Comments:
Encontro Regional de Enfermeiros de Cuidados Gerais - GRATUITO - Ordem dos Enfermeiros

Entidade: Secção Regional do Norte da Ordem dos Enfermeiros

Data: 14/10/2009

Local: Auditório Municipal Póvoa Varzim

Prazo de inscrição: 14/10/2009

Descrição:
A profissão de Enfermagem atravessa um período de transição.
A alteração dos estatutos da Ordem dos Enfermeiros, a implementação do Modelo de Desenvolvimento Profissional e as novas áreas de actuação para os enfermeiros de Cuidados Gerais são alguns dos exemplos dessa mudança.
Ciente da importância deste período, a Secção Regional Norte da Ordem dos Enfermeiros decidiu organizar o Encontro de Enfermeiros de Cuidados Gerais, subordinado ao tema “Desafios de Enfermagem num Período de Transição”.
Foram eleitos alguns dos temas ligados a áreas de intervenção que têm estado no centro das preocupações da Secção Regional Norte da Ordem dos Enfermeiros.
Este encontro conta com a colaboração da Comissão de Cuidados Gerais.

Preço:GRATUITO
 
Encontro Regional de Enfermeiros de Cuidados Gerais - GRATUITO - Ordem dos Enfermeiros

Entidade: Secção Regional do Norte da Ordem dos Enfermeiros

Data: 14/10/2009

Local: Auditório Municipal Póvoa Varzim

Prazo de inscrição: 14/10/2009

Descrição:
A profissão de Enfermagem atravessa um período de transição.
A alteração dos estatutos da Ordem dos Enfermeiros, a implementação do Modelo de Desenvolvimento Profissional e as novas áreas de actuação para os enfermeiros de Cuidados Gerais são alguns dos exemplos dessa mudança.
Ciente da importância deste período, a Secção Regional Norte da Ordem dos Enfermeiros decidiu organizar o Encontro de Enfermeiros de Cuidados Gerais, subordinado ao tema “Desafios de Enfermagem num Período de Transição”.
Foram eleitos alguns dos temas ligados a áreas de intervenção que têm estado no centro das preocupações da Secção Regional Norte da Ordem dos Enfermeiros.
Este encontro conta com a colaboração da Comissão de Cuidados Gerais.

Preço:GRATUITO
 
Já não vinha a este blog há algum tempo e decidi passar uma vista de olhos pelos diferentes comentários. Continuo a ficar surpreendido. Portugal foi a votos e temos mais do mesmo. Assim, não faz muito sentido virmos para aqui falar da ministra da saúde, do governo, do poder dos médicos, etc, etc, etc...
A decisão foi tomada no único momento em que verdadeiramente temos poder de decisão: no momento do voto. Mas a verdadeira liberdade não é o acto de eleger por si só. A verdadeira liberdade está em eleger com conhecimento, com formação, com consciência. E este conhecimento deixa muito a desejar num povo que ainda mantém as amarras de uma ditadura que terminou há apenas 30 anos.
Desvios de milhares de milhões de euros, mentiras, negócios obscuros, corrupção ao mais alto nível, atentados à liberdade de expressão... tudo aconteceu neste país.
No entanto até os corruptos identificados continuam nas listas e são preferidos pelos Portugueses. O povo está amoral e isto é preocupante.
O país é o reflexo do seu Povo e a enfermagem é apenas uma amostra.
cumpt.
 
Isto é o fim dos principios:
Tenho uma dúvida, como é possível o enfermeiro supervisor do Hospital de Faro ser autorizado acumular funções em hospital privado????
 
Bom, do debate surgem por vezes argumentos que expostos de uma maneira simples e de uma clareza absoluta nos podem fazer influir nas nossas opiniões e fazer reflectir sobre o que se passa à nossa volta, considero que o comentário do colega 11:28 PM se enquadra nesta fenomologia que é a capacidade de análise critica e que realmente nos faz pensar.
 
Tenho notado um decréscimo nas visitas ao blogue.
Será que foi por causa do novo programa dos Gato Fedorento?
Será que o “people” murchou depois dos resultados eleitorais?
Talvez nos devêssemos habituar. Vão ser mais 4 anos do mesmo…
A propósito, Dr. Enf., aceitaria ser “esmiuçado” pelo Ricardo Araújo Pereira?
Ou acha que era melhor lá ir o Enf. Azevedo? Ou a Bastonária? Ou a Lucília Nunes?
 
Quem diria:


“Portugal é um país geométrico: é rectangular e tem problemas
bicudos discutidos em mesas redondas, por bestas quadradas!”


“Sr.ª Ministra: o seu computador é como uma carroça. Tem sempre um burro à frente!!!”


Instrumento avaliador de políticos: Aberrometria (http://www.laserocular.com.br/exames_diagnosticos_aberrometria.htm)
 
Só tenho uma palavra a dizer! Finalmente! Finalmente se vêm alguns esforços da ordem para dar visibilidade social aos enfermeiros através da aparição nos media. se pode ser verdade que tentam mas os media não lhes ligam, tambem é verdade que ha um conjunto de medidas que deveriam ser tomadas e nao o estão a ser: publicidade da enfermagem junto do publico, da sua competência, da sua presença, da sua importância fulcral no sistema de saude. se o meu dinheirinho que vai pra la todos os meses servisse para apoiar um anuncio publicitario na tv, ou apoiar um autor a publicar romances ou qq tipo de livro com a enfermagem e os enfermeiros como pano de fundo... isso sim era investimento.

Lanço a sugestão para verem duas séries fantásticas, Nurse Jackie e Mercy. Imaginem o ER mas do ponto de vista dos enfermeiros. Brilhante.

Assim como nesses programas os médicos passam uma óptima imagem da sua classe, é fundamental a meu ver que as duas séries acima mencionadas passem na tv em portugal, de preferência na tv publica e em horario nobre!

Se alguém tiver amigos conhecidos nas televisões, fale-lhes disso! Senão fazemos um abaixo assinado e mandamos pras estações televisivas!

É FUNDAMENTAL QUE OS PORTUGUESES TENHAM A VERDADEIRA PERCEPÇÃO DO QUE FAZEMOS E DA SUA IMPORTÂNCIA, QUE AINDA NÃO TÊM, E SÓ DEPOIS DISSO COMPREENDERÃO E APOIARÃO A NOSSA CAUSA! ESTE É UM MEIO DE INFORMAÇÃO CATIVANTE, INFORMATIVO E FACILMENTE ACESSÍVEL, QUE DEVE SER UTILIZADO!
 
Esta otária FALA, FALA, e não diz nada!
 
Ao anónimo d 1:34

O Sr Enf Supervisor tem tanto direito como qualquer um. Afinal ele é como nós todos! Não queriam igualdade na carreira? Ou era só para alguns?

Não tem mais dúvidas???????????
 
GREVE! JÁ!
 
Em que televisão passam as séries que o anonimo das 9:42 refere?
 
Bem,
Ver a Bastonária a ser entrevistada pelo jornalista do “caralho que o foda” (http://www.youtube.com/watch?v=SP9NLuSx7YQ&feature=related), é para mim algo fascinante…
Penso que a “voz de bagaço” não tenha ajudado à compreensão da mensagem.
A grande questão neste momento é:
É seguro fazer a vacina contra o H1N1? Quais os riscos de vir a desenvolver S. Guillain-Barré?
Parece haver muitas nuvens sobre o tema…
http://www.news-medical.net/news/2004/11/24/6457.aspx
http://noticias.portugalmail.pt/artigo/20090917/vacina-contra-a-gripe-a-pode-causar-doenca-neurologica
E será que não há um aproveitamento mercantil (farmacêutico) da situação?
E será que não houve aproveitamento político nas últimas semanas (assim não se falou dos reais problemas do país durante a campanha)?

Ah, e temos uma bastonária nova:
Se repararem, ao minuto 2:13 (e 6:38! e 8:02! e 9:05!), ouve-se “Maria Augusta Rosa”.
Lindo…

Gostei da “instauração” da República… Será que foi implantação?!?!
Pareceu tremer um pouco quando falou no Nobel da Medicina, mas fez bem em passar a mensagem sobre o Aleitamento.

Nota positiva, mas não brilhante!
 
anónimo das 9:42:
sei que a série mercy passa na nbc, dá inclusivamente para ver os episódios no site deles. quanto à nurse jackie, uma simples pesquisa no google permite encontrar um site para ver a primeira época de graça. e digo desde ja que vale a pena! penso que depois de verem serão da minha opinião: passar a imagem dos enfermeiros ás massas através da tv permitirá perceber porque lutamos e apoiar-nos nessa mesma luta!
 
ao anónimo das 3:19h. até posso concordar que fala fala e não diz nada, mas AO MENOS FALA! NÃO HÁ PUBLICIDADE POSITIVA OU NEGATIVA, SÓ MESMO PUBLICIDADE. temos de ir aparecendo, nem que seja pra bitaites, pra nao sermos esquecidos!
 
A voz rouca e decrépita da nossa bastonária, tira-lhe qualquer credibilidade!

Principalmente porque é incapaz de assumir uma posição e de a defender,

perde-se em ruminações interiores abafadas pelo fumo de uma voz hesitante, fragor de um discurso insosso, polvilhado por floreados de quem tudo diz e nada diz,

esconde assim uma deficiente capacidade de ser concisa, precisa e objectiva, que mais confunde do que esclarece quem a ouve.

Faz-me lembrar os guinchos da matança do porco, que tenta num derradeiro esforço agarrar a vida, nos poucos minutos que lhe restam!

No dia 11 de Outubro NÃO VOTAREI PS!
 
Viva Passe no Cogitare para ter conhecimento de uma noticia que envolve Enfermeiras Parteiras
 
Os enfermeiros não se tocam com "visibilidades" avulsas, alheias aos problemas actuais nos seus contextos de trabalho. Cada vez o poder médico é maior, a actual carreira potencia essas situação. Os "chicos espertos" são escolhidos por eles e o poder informal cada vez é maior. Formalmente também já é visível, vejam-se as escolhas para as unidades de saúde familiares. Mas no reino onde se movem ordem e sindicatos, estamos tão bem que damos visibilidade a questões laterais para distrair a classe. Perdemos a alma. Lamento essencialmente pelos mais jovens na profissão.
 
A nossa bastonária apresenta uma imagem desgastada e sem carisma. Urgem mundanças na Ordem dos Enfermeiros, urge uma grande mudança de paradigmas e de mentalidades, pois não é com pareceres a aconselhar os colegas a não executarem suturas que vamos algum dia ser remunerados como licenciados.
Se querem ser licenciados "a corpo inteiro", então temos que começar a assumir responsabilidades e riscos. Esta postura da nossa bastonária do «nim» não pode enraizar-se na nossa classe!!
Talibã das Beiras: Sempre ao mais alto nível!
 
Esta senhora tem o dom de falar e nada dizer, parto-me a rir sempre que tenho oportunidade de a ouvir!
 
Enviar um comentário



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

AmazingCounters.comVisitas ao blog Doutor Enfermeiro


tracker visitantes online


.

Novo grupo para reflexão de Enfermagem (a promessa é: o que quer que ali se escreva, chegará a "quem de direito")! 

Para que a opinião de cada um tenha uma consequência positiva! Contribuição efectiva!