quinta-feira, novembro 26, 2009

Ah, grande Enf. Élvio Jesus!!!


"Jardim Ramos [Secretário Regional dos AS - Madeira] ofendido com Ordem dos Enfermeiros [SR da Madeira, presidida pelo Enf. Élvio Jesus]" link (ler mais aqui e aqui)

"O secretário regional dos Assuntos Sociais, Francisco Jardim Ramos, abandonou, ontem, a sala, durante a sessão de abertura do painel sobre “Emergência Pré-Hospitalar”, organizado pela secção regional da Ordem dos Enfermeiros (OE), por entender que a intervenção «de natureza sindical» do presidente da secção regional da OE, Élvio Jesus, «foi ofensiva, desrespeitadora e completamente desprovida de urbanidade e fora do contexto para o qual foi convidado, razão pela qual decidiu abandonar a sala».
Num comunicado enviado às redacções após ao sucedido e assinado pelo chefe de gabinete, Miguel Pestana, o governante esclarece que «desde sempre mostrou disponibilidade para dialogar com a OE, sempre que necessário e em local próprio». O abandono da sala deu-se quando Élvio Jesus estava a discursar na abertura do painel sobre emergência pré-hospitalar, mas, aproveitando a oportunidade, disse que havia enfermeiros descontentes com as mudanças no Serviço de Saúde da Região Autónoma da Madeira, E.P.E. (SESARAM) e por isso podiam «avançar para tribunal para recolocar a legalidade». Jardim Ramos não gostou da declaração e ainda antes de entrar na sala, o governante tinha esclarecido à comunicação social que «não há ilegalidades, porque nunca foram registadas, o que de facto tem havido é conversações e negociações».

O secretário desmentiu também a existência de um abaixo-assinado com 600 assinaturas de enfermeiros mostrando o seu descontentamento, como tinha afirmado anteriormente Élvio Jesus, dizendo que o que chegou às suas mãos foi apenas «uma folha com quatro nomes». No final de toda esta situação e, em comunicado, o secretário regional dos Assuntos Sociais lamentou o sucedido e endereçou um pedido público de desculpas aos participantes e entidades convidadas presentes no evento, «certo de que compreenderão que outra não poderia ter sido a sua atitude».

Pode ler-se ainda no comunicado que este episódio desagradável não invalida o compromisso assumido pela SRAS, em manter o diálogo franco com as estruturas representativas da classe profissional dos Enfermeiros, sempre que seja considerado necessário e em contexto apropriado para o efeito». Ainda ontem, Jardim Ramos garantiu que o concurso público para a admissão de novos Enfermeiros irá abrir até ao fim deste mês, como prometido. Serão abertas 70 vagas."

video


Comments:
País
Sindicato dos Enfermeiros e Ministério da Saúde voltam a reunir em Dezembro
A reunião do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP) com o Ministério da Saúde terminou sem novidades, excepto a marcação de dois novos encontros para os dias 9 e 15 de Dezembro. Nessa altura, o Ministério da Saúde deverá avançar com as propostas e soluções para os problemas que afectam os enfermeiros, e, em particular, os enfermeiros do INEM. Quanto à polémica que antecedeu esta primeira reunião – a pressão do Ministério para que o Sindicato desmarcasse a vigília que estava agendada para esta tarde –, José Carlos Martins, do SEP, afirma que afinal tudo não passou de um mal entendido.
2009-11-26 21:20:19
http://mp3.rtp.pt/mp3/wavrss/info/nacional/594782_48899.mp3
00:00:13
298436
http://tv1.rtp.pt/noticias/?headline=46&visual=9&tm=8&t=Sindicato-dos-Enfermeiros-e-Ministerio-da-Saude-voltam-a-reunir-em-Dezembro.rtp&article=298436
Sindicato dos Enfermeiros e Ministério da Saúde voltam a reunir em Dezembro
2009-11-26 21:20:19
País
Sindicato dos Enfermeiros e Ministério da Saúde voltam a reunir em Dezembro
A reunião do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP) com o Ministério da Saúde terminou sem novidades, excepto a marcação de dois novos encontros para os dias 9 e 15 de Dezembro. Nessa altura, o Ministério da Saúde deverá avançar com as propostas e soluções para os problemas que afectam os enfermeiros, e, em particular, os enfermeiros do INEM. Quanto à polémica que antecedeu esta primeira reunião – a pressão do Ministério para que o Sindicato desmarcasse a vigília que estava agendada para esta tarde –, José Carlos Martins, do SEP, afirma que afinal tudo não passou de um mal entendido.
2009-11-26 21:20:19


porcaria de sindicatos...
 
Pois é! Grande Enf.º Élvio sim senhor!!!Pelo menos na região a Ordem pronuncia-se quanto às injustiças que acontem!!! Um bem haja a pessoas que levam da intenção à acção e que tem a coragem de dar a cara e de lutar pelas convicções e de lutar pela Enfermagem!!
***********************************
 
UM BEM HAJA AO COLEGA!
 
Já se percebeu que para lidar com todo este ministério, não basta ter-se caracter e ser-se honesto.Não bastam as greves que apresentam grandes percentagens,mas cujos resultados são nulos.Não basta a percepção da indignação que é visivel em toda a classe de ENFERMAGEM.Não bastam as ofensas e demonstrações de mau caracter e má educação por parte destes menbros do governo como no caso aqui referido.
A nossa única saída e para termos grande impacto nacional,é angariar voluntários enfermeiros e fazermos uma espera numa ocasião solene,para bombardear-mos estes srs, com ovos podres.Estes srs não merecem mais do que isto.
 
Eu não estou a perceber!!! Então as eleições não foram em Setembro??? E quem ganhou? Não foi o PS???
 
BOA...

Este colega é um Oásis dentro da OE... que pouco se pronuncia sobre aquilo que, de facto, é importante.

A bastonária... enfim... está á vista, e a candidata a bastonária (Lucília Nunes) vai pelo mesmo caminho...
 
Não.
O PS perdeu a mania de ser o maior e único.
Único só Deus.
A LUlu se se candidatar ganha...juizo!
 
bravo colega!
 
Enviar um comentário



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

AmazingCounters.comVisitas ao blog Doutor Enfermeiro


tracker visitantes online


.

Novo grupo para reflexão de Enfermagem (a promessa é: o que quer que ali se escreva, chegará a "quem de direito")! 

Para que a opinião de cada um tenha uma consequência positiva! Contribuição efectiva!